CURSO DE PSICOLOGIA HOSPITALAR / PSICOLOGIA INTENSIVA MODULO I

Por Psicosaude
12-08-16 | 22:33

CURSO DE PSICOLOGIA HOSPITALAR / PSICOLOGIA INTENSIVA MODULO I

CURSO TEORICO com VISITAÇÃO AS UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA

 

A Unidade de Terapia Intensiva é uma unidade complexa dotada de sistema de monitorização contínua que admite pacientes potencialmente graves ou com descompensação de um ou mais sistemas orgânicos e que, com o suporte e tratamento intensivos, tenham possibilidade de se recuperar.

O psicólogo que atua em Terapia Intensiva é chamado de intensivista e dever ser capaz de avaliar adequadamente o paciente, entender a condição clínica do mesmo, os objetivos e condutas médicas traçadas. Com esta finalidade, pretende-se contribuir para o aperfeiçoamento do atendimento ao paciente crítico e o apoio à equipe de saúde e à família.

A Psicologia Intensiva surge da necessidade de refletir sobre o atendimento psicológico ao paciente crítico.  O psicólogo intensivista precisa ter habilidades pessoais e profissionais que lhe permitem interagir com as pessoas em condições especiais, diferentes daqueles comumente encontrados em outros campos profissionais. Da mesma forma, ele deve integrar os conhecimentos que transcendem os da sua própria disciplina em suas habilidades profissionais, a fim de complementar as suas explicações com o conhecimento que vem das ciências biomédicas e outras ciências sociais.

O Curso de Psicologia INTENSIVA, terá a duração de 4 (quatro) meses.  Se estrutura a partir de um Curso livre de formação para atuação em Unidades de Terapia Intensiva – UTI.

INICIO DO CURSO: março/2017 (Às quintas-feiras das 16:00 as 18:00 hrs). AULA INAUGURAL      

(A matricula poderá ser realizada após a aula inaugural). Confirmar a presença via e -mail.

TÉRMINO DO CURSO: junho/2017

MATRICULA: R$ 100,00 (cem reais).

INVESTIMENTO: R$ 1.000,00 (hum mil reais). (até 4 vezes).

LOCAL:  Rua Jose Nicolau Abage, 210 – Bigorrilho                                                 

NUMERO MAXIMO DE INSCRITOS: 15 alunos

 

 

PROGRAMA:

TEMAS

ABORGAGEM

 

 

 

 

Humanização na UTI

Ambientação

Introdução ao Tema;

Ambiente Físicos;

Aspectos Sensoriais:

·        Ruídos;

·        Conforto;

·        Iluminação;

Necessidades do Paciente;

Necessidades do Familiar;

O Ambiente UTI para equipe;

Sugestões de Estruturas de UTI; (espaço entre leitos; janelas; harmonização)

 

 

 

 

Comunicação

Comunicação Intensiva;

Contexto Psicológico da Comunicação;

Comunicação de má notícias;

Competência Interpessoal como pré requisito para uma Comunicação Eficaz;

Assertividade;

Adequação na abordagem ao Paciente /Familiares e Equipe;

Qualidade e segurança de mãos dadas com a comunicação;

 

 

 

 

A Família em Unidade de Terapia Intensiva

Identificar reações emocionais da família;

Reconhecer o tempo requerido para o ajustamento familiar após a internação na UTI;

Acolhimento familiar;

Famílias difíceis – intervenções sugeridas;

Familiares SOLICITANTES;

Familiares REJEITADORES DE AJUDA;

Familiares DEPENDENTES;

Familiares OBSESSIVOS;

Familiares HISTÉRICOS;

 

 

 

 

 

O Paciente em Unidade de Terapia Intensiva

 

A hospitalização na UTI, evoca no paciente a fragilidade humana e com ela a desestabilização emocional, a exacerbação dos mecanismos de defesa, inquietação, intolerância, baixa resistência a frustração e outros estímulos estressores.

Neste item trabalharemos:

Controle da dor, privacidade, individualidade, direito à informação, ser ouvido nas suas queixas e angústias, ambiente adequado para o sono, atenção ao seu pudor, atenção às suas crenças e espiritualidade.

 

 

 

Síndrome de Burnout

Entender a síndrome que afeta os trabalhadores encarregados de cuidar;

·        fator exaustão emocional;

·        fator envolvimento pessoal;

·        trabalho e despersonalização.

 

 

 Paciente Confuso

Entender os estados confusionais, delírio e as alterações neuropsiquiátricas agudas ou subagudas que afetam a consciência; Conhecer a etiologia dos quadros confusionais; desenvolver habilidades para atender esta demanda.

 

Cuidados Paliativos

 

Avanços no cuidado no final de vida

Terminalidade, Luto, morte.

 

 

 

 

Exame de Estado Mental

Estudo do processo do qual o profissional   examina sistematicamente o estado mental do paciente.

Cada função mental é considerada separadamente de uma forma paralela a um exame físico. Muito do material do EEM é coletado durante a história clínica. O resultado do exame e da entrevista clínica são combinados para se formular o diagnóstico.

 

Perspectiva da Cronicidade - DOR

Dor e seus aspectos: Classificação da dor; Epidemiologia da dor; como avaliar os sintomas da dor; Pontos chaves no tratamento da dor;

 

Hole Play de atendimento Familiar/Paciente

Este tema pretende trazer para a pratica questões relacionadas ao manejo da adversidade nas questões cotidianas.

 

Estudo de caso

 

Discussão e aprofundamento na construção de estudo clinico do paciente.

 

 

Estagio observacional 

Neste modulo a pratica ocorrera por meio de visitação nas UTIs Geral e Cardio do Hospital Marcelino Champagnat

 

 

Finalização com apresentação de Pré Projeto

Este pré projeto se refere a uma pesquisa ou possibilidade de intervenção de pratica no cotidiano da UTI.

 

 

DOCENTES:

COORDENAÇÃO GERAL: Psic. Raquel Pusch  CRP 08/7631

Psicóloga Cognitiva / Sistêmica

Mestre em Organização e Desenvolvimento – Políticas Públicas na Área da Sáude

pela FAE Business School - Centro Universitário - Curitiba - Pr.

Especialista em Psicologia da Família – INEPE – Instituto Nacional de Ensino, Pós Graduação e Extensão – São Paulo -SP

Especialista em Psicologia da Saúde Mental, Psicopatologia, Psicanálise PUC – PR

Especialista em Psicologia Hospitalar – CFP

Latu Sensu em Gestão de Conflitos e Crises nas Organizações e Sistemas Familiares – UNB - Brasília – DF

Latu Sensu em Filosofia Clinica - ITECNE – Curitiba - PR;

 FONES: (41) 3339-8043    (41) 9977-3305

E-mail: pusch11@terra.com.br

 

Cléria Regina Bizon CRP 08/16795
Psicóloga formada pela UTP – Universidade Tuiuti do Paraná.
Especialização em Terapia Cognitiva pelo Instituto Paranaense de Terapia Cognitiva.
Psicóloga da UTI Geral e Postos de Internação do Hospital Marcelino Champagnat

Exerce psicologia Clínica e Hospitalar.

Contato: (41)  9647-8377

E-mail: reginabizon@gmail.com

 

Leticia Georgett CRP 08/20072

Formada pela PUCPR – Pontifícia Universidade Católica do Paraná

Psicóloga da Unidade Coronariana e Neurovascular e Postos de Internação do Hospital Marcelino Champagnat

Exerce psicologia clínica e hospitalar

Contato: (41) 9208-1301

Email: leticiageorgett@hotmail.com

 
   
 
   
 
   

Fale Conosco